Inovações na mobilidade urbana

Escrito por Marcos Santos graduando da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM)


A mobilidade humana sempre esteve presente no centro da ideia de progresso humano. Isso pode ser notado na expressão “inventar a roda” como um feito grandioso. Mas é e sempre foi preciso se mover cada vez mais rápido: era uma questão de vida ou morte conseguir fugir de predadores e era necessário perseguir as presas de forma eficiente. Hoje, tempo é dinheiro. Quanto mais tempo uma carga leva para ser transportada, mais oneroso é esse processo.

O meio mais importante pelo qual o transporte ocorre hoje é no meio urbano. O Brasil se desenvolveu e se desenvolve de forma ainda não planejada, o que leva a criação de dificuldades relacionadas ao tráfego devido a vias urbanas que crescem de forma desregular, tanto na sua estrutura, quanto na sua capacidade.

Essa é uma questão que precisa ser tratada para dar um maior suporte ao desenvolvimento econômico e mais qualidade de vida para os habitantes do meio urbano. Dado isso, este texto traz consigo 5 iniciativas inovadoras para melhorar a mobilidade humana:

  1. Semáforos inteligentes: esse tipo de semáforo deixaria de mudar suas cores em intervalos de tempo programadas, passando, por meio de sensores, a mudar sua sinalização de acordo com o trânsito no momento.

  2. Estacionamentos gratuitos: posicionados próximos a estações de metrô, pontos de ônibus e bicicletários, eles têm objetivo de fazer com que o condutor dirija apenas até o estacionamento e, a partir daí, pegar um transporte público. O objetivo é reduzir o congestionamento.

  3. Rodovia para ciclistas: o objetivo é criar uma segunda opção de deslocamento, oferecendo mais segurança para os ciclistas.

  4. Metrôs com vagões exclusivos para bicicletas: oferece um espaço exclusivo para as bicicletas, facilitando sua subida e sua descida do tem.

  5. Ônibus para pessoas com mobilidade reduzida: com veículos capazes de transportarem pelo menos 6 cadeiras, eles são equipados com rampas que facilitam o acesso ao seu interior. Além disso, as são planejadas, garantindo o acesso às principais instituições públicas.

Com ideias como essa, de fato não é preciso “reinventar a roda” para solucionar os problemas relacionados à mobilidade urbana.


REFERÊNCIAS:

https://g1.globo.com/especial-publicitario/inovacao/noticia/2019/10/07/conheca-cinco-iniciativas-inovadoras-para-melhorar-a-mobilidade-urbana.ghtml



5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Escrito por Benaya Silva graduanda da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri Quem é o engenheiro do futuro? Qual o seu papel? Quais as suas habilidades? Esses e outros questionamento