ABC DA ENGENHARIA: Concreto Colorido

Atualizado: Set 12

Escrito por Dayanne Caldeira Martins sob orientação dos professores Alcino de Oliveira Costa Neto e Iara Ferreira de Rezende Costa.


Sabemos que o concreto convencional, basicamente é a mistura de água, cimento, areia e brita, em proporções prefixadas, que forma uma massa compacta e endurece com o tempo. Mas e o concreto colorido, você está por dentro dessa tendência?

O concreto colorido é a mesma base do concreto convencional, porém contém a adição de pigmentos que tingem o concreto, dispensando a necessidade da pintura.

O seu uso pode ser estrutural ou decorativo e hoje é muito utilizado em pisos, fachadas (concreto aparente), vigas, pilares, lajes ou peças artísticas. Além de ser aplicado para dar um melhor efeito arquitetônico, ele já foi utilizado em grandes obras para associar uma cor a uma peça que está sendo concretada (pilar vermelho, bloco verde, etc.), eliminando o risco da aplicação do concreto fora do local determinado. Para sua aplicação deve ser buscado uma empresa especializada, pois é muito difícil realizar os testes para encontrar a proporção ideal entre a quantidade de pigmento e a quantidade de água da mistura.

O concreto colorido pode ter um custo três vezes maior, em comparação com o convencional, pois a elaboração do seu traço requer mais atenção. Para garantir uma boa mistura, as dosagens devem ser precisas, para evitar diferenciação de tons, e a inserção errada de pigmentos, de água ou cimento pode alterar as propriedades do concreto.

Apesar do seu custo elevado, a estética de um visual alegre e agradável é apenas um dos diferenciais desse material. O uso do concreto colorido pode-se reduzir uma das etapas da obra, a do revestimento, o que diminui o tempo de execução do projeto e em consequência o seu custo final. Por não carecer de revestimentos, como a pintura, a peça apresentará maior durabilidade, diminuindo a necessidade de manutenção, e, além disso, o material apresenta boa resistência contra a poluição, contra a ação solar e outras intempéries.

A variedade de cores e tons é grande, como verde, vermelho, azul, entre outras, e é importante saber qual a origem do pigmento usado, se ele é orgânico ou inorgânico, ou ainda qual vai ser seu comportamento quando exposto aos raios ultravioletas do sol. Os pigmentos mais utilizados na mistura são os inorgânicos, à base de óxido de ferro e de cromo, pois são eles que permitem as variações de tonalidades e proporcionam maior durabilidade. Os orgânicos, por sua vez, têm desempenho inferior e consomem mais material. Vale ressaltar que a adição de pigmentos inorgânicos deve corresponder de 1% a 7% sobre o peso do cimento no traço, pois acima de 10% pode causar problemas quanto à durabilidade e à resistência do concreto (MAPA DA OBRA, 2017).

Já faz algum tempo que o concreto deixou de ser sinônimo de cinza. Exemplos que comprovam isso podem ser encontrados em vários lugares do mundo e em diferentes tipologias de projeto. Na África do Sul, um caso emblemático é o Soccer City, estádio que recebeu jogos da Copa do Mundo e tem fachada com concreto em diversas tonalidades, formando um mosaico.


Figura 1 - Estádio Soccer City na África do Sul

Fonte: Architonic, 2010.


Figura 2 - Estádio Soccer City na África do Sul

Fonte: Architonic, 2010.


Figura 3 - Estádio Soccer City na África do Sul

Fonte: Architonic, 2010.


Figura 4 - Estádio Soccer City na África do Sul

Fonte: Architonic, 2010.


Figura 5 - Estádio Soccer City na África do Sul

Fonte: Architonic, 2010.


Gostou do nosso post?!


Curta, comente e compartilhe com os seus amigos!


REFERÊNCIAS


ARCHITONIC. Soccer City Stadium - The Melting Pot. Nascer Johannesburg, Shout Africa: 2010. Disponível em https://www.architonic.com/en/project/boogertman-partners-architects-soccer-city-stadium-the-melting-pot-/5100577. Acesso em 10 set. 2020.


MAPA DA OBRA. Concreto colorido: saiba como e por que utilizar na sua obra. 2017. Disponível em https://www.mapadaobra.com.br/inovacao/saiba-como-e-por-que-utilizar-o-concreto-colorido-na-sua-obra/. Acesso em 10 set. 2020.

20 visualizações

Todos os direitos reservados ao Projeto de Extensão Construção +